Escolha o Idioma:        

Papers

Reservas de lago e o manejo comunitário da pesca no Baixo Amazonas: uma avaliação preliminar (018)
Autor(es): David Gibbs McGrath, Célia Futema, Fabio de Castro
Ano: 1994
Resumo: Como resposta a intensificação da pesca comercial, comunidades ribeirinhas em toda a região do Baixo Amazonas estão fechando os lagos locais para pescadores de fora e em alguns casos implementando regras para aumentar a produtividade da pesca nos lagos locais. Essas reservas de lago são muito promissoras como modelos para o manejo sustentável da pesca e outros recursos da várzea. Porém, existem poucas informações sobre a viabilidade de manejo de lago. Esse trabalho apresenta resultados preliminares de um estudo comparando a pesca em dois lagos, um manejado e o outro não, para avaliar o manejo comunitário da pesca de lago em relação a três questões: 1) a viabilidade de lagos individuais como unidades de manejo da pesca; 2) o impacto do manejo da pesca na economia familiar ribeirinha; e 3) o impacto de reservas de lago na pesca comercial no nível regional. Resultados preliminares indicam que o manejo de lago pode aumentar a produtividade da pesca no lago e aumentar a produção de pelo menos algumas espécies de alto valor comercial. A produtividade mais alta da pesca em lagos manejados permite que famílias ribeirinhas aloquem mais tempo para a agricultura e criação animal, aumentando assim a produtividade da economia familiar como um todo. Além disso, dado a capacidade mínima do IBAMA para gerenciar a pesca comercial, o manejo comunitário da pesca pode desempenhar um papel importante na conservação da pesca comercial na região. Em resumo, dependendo das medidas adotadas, reservas de lago parecem ser uma estratégia muito promissora para o desenvolvimento sustentável dos recursos da várzea.
Palavras-chave: Pesca. Manejo comunitário. Várzea. Desenvolvimento sustentável.
Abstract:

In response to the depletion of local fisheries, communities throughout the Lower Amazon are closing lakes to outside fishermen and in some cases implementing measures designed to increase the productivity of lake fisheries. These lake reserves are promising models for the sustainable management of varzea fisheries, however, little is known about the viability of lake management. This paper presents preliminary results of a study comparing fishing activity in two lake systems, one managed and the other unmanaged, in order to evaluate community-based management of lake fisheries in terms of three issues: 1) the viability of individual lakes as management units, 2) the economic impact on ribeirinho households of managing lake fisheries, and 3) the impact of lake reserves on regional commercial fisheries. Preliminary results indicate that lake management can increase the productivity of local fisheries and lead to increased production of at least some commercially important fish species. The higher productivity of lake fisheries enables ribeirinho households to devote more time to farming and animal husbandry, thereby increasing the overall productivity of the household economy. Furthermore, given IBAMA's minimal ability to regulate commercial fisheries, community-based lake management can play a critical role in the conservation of regional commercial fisheries. In conclusion, depending on the measures adopted, lake reserves appear to be a promising strategy for the sustainable development of the varzea resource base. KEYWORDS: Fisheries. Community-based management. Várzea. Sustainable development.

[ fazer download ]
Endereço: Av. Perimetral, Número 1 - Guamá, Belém - PA, Brasil Código Postal: 66075-750 55(91) 3201-7231