Escolha o Idioma:        

Papers

Na trilha dos ecos do turismo: perspectivas da RESEX Ipaú-Anilzinho, Baião/PA (Paper 327)
Autor(es): Rodrigo Augusto Alves de Figueiredo
Ano: 2014
Resumo: Desde a criação do Parque Nacional de Yellowstone nos Estados Unidos em 1872, a ideia de proteção ambiental associada à contemplação da natureza como forma de lazer evoluiu ao longo do tempo ganhando novas dimensões. Na busca de modelos de desenvolvimento sustentáveis, as Áreas Protegidas e as Unidades de Conservação passaram almejar a pesquisa científica e o interesse em promover diferentes atividades econômicas com bases conservacionistas para estimular investimentos financeiros à manutenção da biodiversidade. Nesta perspectiva, o turismo tornou-se uma das principais atividades a ser concepcionada como proposta para a promoção do desenvolvimento ambiental e humano sustentável das áreas de proteção ambiental. De um modo geral, nota-se que as políticas direcionadas às UC restringem-se aos objetivos imediatistas de institucionalização e proteção da área, não levando em consideração as especificidades locais e as aspirações das populações que nela vivem, revelando, assim, a necessidade de se delinear estratégias eficazes que atendam verdadeiramente seus os objetivos de proteção. Nessa direção, o presente estudo avaliou as perspectivas do turismo na RESEX Ipaú Anilzinho, dentro dos princípios de sustentabilidade ambiental, social e econômica, como possibilidade futura de se alcançar cenários racionais de exploração dos recursos naturais para gerar economias alternativas e comunidades sustentáveis. Como resultado, infere-se que o planejamento do ecoturismo representa possibilidades estratégicas altamente instigadoras na geração de benefícios para a economia local, o fortalecimento da organização comunitária e a melhoria em aspectos sociais e ambientais que contribuam para a melhor eficiência da gestão ambiental dessa recente unidade de conservação do estado do Pará.
Palavras-chave: Turismo. Ecoturismo. Desenvolvimento. Unidades de Conservação.
Abstract:

From the creation of Yellowstone National Park in the United States in 1872, the idea of environmental protection associated with contemplation of nature as a recreational evolved over time gaining new dimensions. In the search for sustainable models of development, the Protected Areas and Protected Areas passed crave scientific research and interest in promoting economic activities with different bases conservation investments to stimulate the maintenance of biodiversity. In this perspective, tourism has become one of the main activities to be concepcionada as a proposal for the promotion of environmental and sustainable human development in the areas of environmental protection. In general, it is noted that policies directed at UC restricted to the immediate objectives of institutionalization and protection of the area, not taking into consideration the specific local conditions and aspirations of the people who live in it, thus revealing the need for delineate effective strategies that truly meet their protection objectives. In this direction, the present study evaluated the prospects of tourism in the RESEX Ipaú-Anilzinho, within the principles of environmental, social and economic as possible future scenarios to achieve rational exploitation of natural resources to generate alternative economies and sustainable communities. As a result, it is inferred that the planning of ecotourism is highly strategic possibilities instigators in generating benefits for the local economy, the strengthening of community organization and improvement in social and environmental aspects that contribute to the better efficiency of the environmental management of this latest unit conservation of Pará.

[ fazer download ]
Endereço: Av. Perimetral, Número 1 - Guamá, Belém - PA, Brasil Código Postal: 66075-750 55(91) 3201-7231