Escolha o Idioma:        

UFPA sediará lançamento de livro sobre história econômica da Amazônia

UFPA sediará lançamento de livro sobre história econômica da Amazônia

 

Mediado pelo reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, o lançamento se dará por meio de um debate sobre o novo livro e suas implicações em diversos campos do conhecimento. A obra abrange a história da Amazônia desde o século XVIII e foi editada na Inglaterra

 

Belém, 03 de junho de 2019 - No próximo dia 06 de junho, quinta-feira, às 18h, o pesquisador Francisco de Assis Costa, professor titular do Núcleo de Altos Estudos

Amazônicos (Naea), lançará em Belém o seu mais novo livro “A brief economic history of the Amazon (1720-1970)”.

A ser realizado no Auditório do Centro de Convenções Benedito Nunes, da Universidade Federal do Pará (UFPA), o lançamento se dará por meio de um debate sobre a obra, recentemente editada na Inglaterra pela Cambridge Scholars Publishing e comercializada tanto na página da editora quanto nos diversos sites de vendas Amazon.com.

Pelo caráter interdisciplinar do trabalho e da vasta produção do pesquisador, o diálogo será mediado pelo reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, e contará com a participação de pesquisadores de diversas áreas e instituições de ensino e pesquisa, locais, nacionais e internacionais.  

O livro - De forma sintética, o livro é composto por três capítulos interdependentes e intitulados como 1) “A Amazônia colonial e sua economia (1720-1822)”; 2) “A economia da borracha (1820-1920)”; e 3) “A economia regional da Amazônia, o boom da borracha e depois (1850-1970)”. Todos se utilizam de ampla bibliografia, assim como de fontes conhecidas ou novas, como o Sistema de Integração de Dados Fundiários e Ambientais (SigFundiário), projeto lançado pelo IntegraData, na UFPA, em parceria com o Tribunal de Justiça do Pará (TJE-PA), o Ministério Público do Estado do Pará (MPE-PA), o Instituto Nacional de Colonização e Reforma agrária (INCRA) e o Instituto de Terras do Pará (Iterpa).

Com recortes temporais de cerca de um século cada, com exceção do último que inclui 20 anos a mais, cada um dos capítulos desfaz equívocos, como a ideia de que a história econômica regional pode ser explicada por “ciclos”, entre os tantos casos; confirma a partir de novas fontes de dados o que eram apenas hipóteses, a exemplo da produção de borracha por camponeses “caboclos” desde antes (mas também durante e depois) do aumento da demanda internacional desse produto in natura no século XIX; ou desvela novos sentidos e significados para a historiografia da Amazônia.

O novo livro também surpreende pela quantidade de atualizações teóricas e metodológicas, assim como por novas formas de combinar noções utilizadas em trabalhos anteriores, sempre em diálogo com autores de diversos campos e matrizes do pensamento. “Na verdade, mais de dois terços do livro resultam de pesquisa inédita”, explica Costa .

Entre as noções articuladas no trabalho para uma melhor compreensão da diversidade amazônica, característica não apenas das condições geográficas e biogeoquímicas mas também da sociedade e da economia regional em diferentes momentos históricos, estão as de trajetórias tecnológicas , de economias locais e de arranjos produtivos locais, assim como a importante compreensão da domesticidade como padrão de organização de um tipo de economia que atravessará séculos, tendo como base os usos e atributos de uma floresta viva, dinâmica, plural.

 Tais ajustes permitem uma visão mais abrangente sobre processos de longo prazo que envolveram a formação de diversas formações sócio-econômicas (camponesas agroextrativistas e agrícolas, em especial) e padrões de organização (produtiva, rurais e urbanas, de comércio e indústria), a exemplo do aviamento, ao mesmo tempo em que desvelam diversas influências (políticas, estatatais, mercadológicas, sociais) capazes de produzir mudanças em seus cursos. 

Sobre o autor - Francisco de Assis Costa é uma das principais referências quando se trata da pesquisa sobre a economia agrária e de base florestal na Amazônia desde os tempos coloniais aos dias de hoje. Também é reconhecido pelas importantes contribuições ao debate sobre o desenvolvimento regional à frente de cargos como a direção de Estudos e Políticas Regionais, Urbanas e Ambientais (DIRUR) do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) entre 2011 e 2012.

Economista de formação, cursou o doutorado na Freie Universität Berlin, na Alemanha. Pesquisa a Amazônia desde meados dos anos setenta, atuando hoje como professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido do Naea e no Programa de Pós-Graduação em Economia da Faculdade de Economia da UFPA. 

Além do conhecimento histórico, sua obra inclui vários estudos sobre economias locais, como a dos produtos florestais não-madeireiros (sementes, óleos, frutos, entre outros), incluindo também a economia do açaí, com o trabalho intitulado “O Açaí do

Grão-Pará: Arranjos Produtivos e Economia Local – Estrutura e Dinâmica (1995-2011)” que lhe assegurou a aprovação de professor titular no Naea em 2017.

Quantificar, analisar, teorizar foram os caminhos científicos encontrados por Francisco Costa para mostrar que essas economias agroextrativistas existem há séculos na região, com alto potencial de inovação e resiliência diante de crises e pressões externas. 

“Reconhecer a importância dessas economias é fundamental para desfazer preconceitos históricos, para demonstrar a eficiência dessas atividades do ponto de vista da gestão do trabalho e da terra, assim como para valorizar a floresta em pé, caminho de desenvolvimento econômico mais adequado dos pontos de vista social e ambiental para a Amazônia”, afirma Costa.  

O debate - O lançamento do livro "A brief Economic History of the Amazon" será às 18h do dia 06 de junho (quinta-feira), no Auditório Benedito Nunes da UFPA.

Presencialmente ou por meio de vídeos, participarão como debatedores: Harley Silva (UFPA), Wesley Cantelmo (UMFG), Danilo Araújo Fernandes (UFPA), Philippe Plas (Paris XIII), Brenda Taketa (UFPA), Jochen Dürr (Universidade de Bonn, Alemanha), Thales Cañete (UNAMA), Rafael Chambouleyron (UFPA), Ana Paula Bastos (UnB), Roberto Araújo (MPEG) e Fábio Castro (UFPA).    

A entrada é livre e o livro pode ser adquirido nos sites da editora Cambridge

Scholars               (http://www.cambridgescholars.com)             e              Amazon.com

(https://www.amazon.com/).

 

 

Mais informações:

 

Currículo lattes

http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783862P2

 

Sobre as pesquisas https://dadesa.com.br/

 

Reportagens sobre as pesquisas de Francisco de Assis Costa

https://revistapesquisa.fapesp.br/2019/03/14/francisco-de-assis-costa-as-multiplas-fac es-da-amazonia/

http://amazoniareal.com.br/pesquisador-da-ufpa-diz-que-e-preciso-resgatar-as-econo mias-da-amazonia-e-seus-protagonistas/

https://www.oeco.org.br/reportagens/10962-oeco_20725/

 

Endereço: Av. Perimetral, Número 1 - Guamá, Belém - PA, Brasil Código Postal: 66075-750 55(91) 3201-7231