Incubadora de Políticas Públicas

Site da IPPA

O que é a IPPA

A Incubadora de Políticas Públicas da Amazônia – IPPA - é um mecanismo institucional de articulação entre as universidades, institutos de pesquisa, governos e setor produtivo da Amazônia, vinculada ao Fórum de Pesquisa e Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável da Amazônia, que tem como missão contribuir para a concepção, formulação, acompanhamento e avaliação de políticas públicas de desenvolvimento sustentável para a Região, seus estados e municípios, apoiadas no conhecimento científico, nos saberes tradicionais e na participação qualificada dos atores regionais.

O que faz a IPPA

A IPPA, através da academia e dos institutos de pesquisa a ela filiados, busca compatibilizar, integrar e consolidar os estudos dos fenômenos socioeconômicos, político-institucionais e ambientais da Amazônia, a nível macro, meso e microrregional, com o propósito de contribuir para:

- o debate dos problemas econômicos, sociais e ambientais da Amazônia;
- a sistematização das informações produzidas no âmbito dos grupos de pesquisa filiados ao Fórum;
- o acompanhamento e avaliação das políticas públicas na Amazônia, seus estados e municípios;
- a formulação de políticas de desenvolvimento regional e outras políticas públicas;
- a geração e transferência de métodos e técnicas modernas de gestão pública;
- a produção e transferência de tecnologias sociais para comunidades urbanas e rurais excluídas do mercado formal de trabalho na Amazônia.

Como opera a IPPA

A IPPA está estruturada em três núcleos operativos vinculados à Secretaria Executiva do Fórum. As ações desenvolvidas no âmbito desses núcleos procuram articular a produção do conhecimento sobre a realidade econômica, sócio-ambiental e político-institucional da Amazônia, com processos de difusão e transferência de tecnologias para as organizações públicas e comunidades rurais e urbanas da Região, bem como subsidiar o poder público na elaboração de planos, programas e projetos de desenvolvimento embasados no conhecimento científico e nos saberes tradicionais da população amazônica.

Núcleo de Sistematização, Acompanhamento e Avaliação de Políticas Públicas

O Núcleo coordena a articulação e a sistematização das ações dos grupos de pesquisa vinculados ao Fórum. Essas ações estão organizadas em três áreas temáticas ligadas à dinâmica do desenvolvimento sustentável regional: dinâmica econômica; dinâmica político-institucional e dinâmica sócio-ambiental. As informações consolidadas geram indicadores e relatórios anuais que permitem monitorar e propor medidas corretivas nas diversas ações objeto do acompanhamento da IPPA.

Núcleo de Geração e Transferência de Tecnologias de Gestão Pública

O Núcleo opera as ações de capacitação de gestores públicos e outros atores que atuam em organizações publicas e privadas ligadas à gestão social, econômica e ambiental das instituições situadas nos estados e municípios amazônicos.

Os cursos ofertados pela IPPA são dirigidos aos gestores, técnicos e dirigentes das instituições governamentais e não governamentais que que operam a gestão sócio-ambiental na Amazônia e são voltados para transmissão de conhecimentos, técnicas e habilidades para o aprimoramento da gestão pública na Amazônia. São ofertados cursos em dois níveis: especialização e capacitação/aprimoramento.

Núcleo de Geração e Transferência de Tecnologias Sociais

O Núcleo tem como objetivo aproximar a comunidade científica da população e promover a conexão entre os saberes populares e o conhecimento acadêmico/científico, por meio do ensino, da pesquisa e da extensão. Para tanto, desenvolve ações conjuntas entre profissionais da área acadêmica com a sociedade, visando reunir, organizar, articular e integrar boas práticas na Amazônia, que possam se consolidar como Tecnologias Sociais, através da oferta de produtos, técnicas e/ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidos na interação com a comunidade e que representem efetivas soluções de transformação social. Está em vigor o PROJETO DE ENCAUCHADOS VEGETAIS DA AMAZÔNIA

Serviços

Cursos:

Especialização em Gestão Sócio-Ambiental

Público-alvo: gestores, técnicos e dirigentes das instituições governamentais e não governamentais que atuam nas instituições que operam a gestão sócio-ambiental na Amazônia , que possuem curso superior completo.

Carga Horária: 360 h. (disciplinas e trabalho de conclusão)

Local: Os cursos serão ofertados nas cidades de Marabá(PA), Imperatriz(MA), Palmas(TO), Cuiabá(MT), Porto Velho(RO), Rio Branco(AC), Macapá(AP), Manaus(AM) e Boa Vista (RR).

Capacitação

Os cursos de capacitação profissional de curta duração tem carga horária de 40hs e são ofertados em dois finais de semana alternados (quintas e sextas-feiras e sábados pela manhã).

- Elaboração de Projetos Públicos

Público-alvo: gestores, técnicos, políticos e dirigentes das instituições governamentais e não governamentais que atuam nas instituições que operam a gestão sócio-ambiental nos estados e municípios amazônicos.

Carga Horária: 40 hs.

- Gestão de Florestas Públicas

Público-alvo: gestores, técnicos e dirigentes de instituições governamentais e não governamentais que atuam na gestão de florestas, como o IBAMA, Instituto Chico Mendes, institutos florestais, etc.

Carga Horária: 40 hs.

- Gestão de Projetos de Assentamento e de Áreas legalmente protegidas

Público-alvo: gestores, técnicos e dirigentes de instituições governamentais e não governamentais que atuam em instituições que operam a gestão de projetos de assentamento em áreas rurais como o INCRA e os institutos estaduais de terra.

Carga Horária: 40 hs.

- Gestão Pública Municipal

Público-alvo: gestores, técnicos e dirigentes das prefeituras dos municípios amazônicos e de organizações públicas não governamentais cujo foco de atuação é municipal.

Carga Horária: 40 Hs.

Tecnologias Sociais

  • Realização de diagnósticos para o levantamento de boas práticas em andamento nas diversas e mais longínquas comunidades da Amazônia (ribeirinhos, quilombolas, seringueiros, indígenas, pescadores, etc) que, se aperfeiçoadas, poderão se consolidar como TS, e representar soluções efetivas de transformação social nessas comunidades;
  • Desenvolvimento de Tecnologias Sociais, diagnosticadas como boas práticas, sempre na interação Universidade/Comunidade, contribuindo para que possam se consolidar como TS, serem certificadas e fazerem parte do Banco de Tecnologias Sociais da Fundação Banco do Brasil;
  • Apoio na execução de projetos e arranjos institucionais específicos para cada nova TS, que assegure aos comunitários empoderamento e integral apropriação do conhecimento desenvolvido;
  • Adoção de Tecnologias Sociais (certificadas e disponibilizadas no Banco de Tecnologias Sociais da Fundação Banco do Brasil e em fase de aplicação) para incubação, objetivando a sua inserção em políticas públicas e consequente reaplicação em escala, por meio de convênios específicos entre a Universidade, a organização responsável e demais parceiras;
  • Reaplicação em escala de TS incubadas e inseridas em políticas públicas, por meio de: a) cursos e oficinas de capacitação, com certificação dos participantes (organização social, atividades produtivas específicas, organização da produção, prospecção do mercado, design, planos de negócios, entre outros); b) assistência técnica/tecnológica, com visitas periódicas às unidades incubadas; c) participação em feiras e eventos, rodadas de negócios, missões comerciais, congressos, entre outros.

Composição do Conselho Gestor

O conselho gestor da IPPA tem a seguinte composição:

  • Representante do Fórum;
  • Representantes dos órgãos federais de planejamento e fomento (SUDAM; SUFRAMA e BASA);
  • Representantes dos Institutos de Pesquisa (EMBRAPA; INPA; INPE; IPEA; MPEG);
  • Representantes do Setor Produtivo;
  • Representantes da Sociedade Civil

Endereço: Av. Perimetral, Numero 1 - Guamá, Belém - PA, Brasil Código Postal: 66075-750 +55(91) 3201-7231

Desenvolvido por Equilibriumweb