A profa. Maria Manoel, da Universidade de Aveiro, Portugal

Estudos Culturais em debate no Naea.

O Núcleo de Altos Estudos Amazônicos - Naea promove no próximo dia 04 de outubro, às 9h30, no auditório do Naea, a palestra Estudos Culturais: principais tendências no contexto mundial, novos conflitos e protagonismos", que será proferida pela Profa. Dra. Maria Manuel Baptista - Coordenadora do Doutoramento em Estudos Culturais, Universidade de Aveiro - Portugal. Após a palestra, haverá o lançamento do livro Amazônia, Cultura e Cena Política no Brasil. Os textos reunidos no livro foram, em sua maioria, apresentados no seminário Amazônia, Cultura e Cena Política no Brasil, realizado no final do primeiro semestre de 2016 no Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, da Universidade Federal do Pará, com apoio do Fórum 21.

Abordagem - Os artigos do livro abordam diversos aspectos da política pública brasileira que esteve em voga até 2015, a ruptura causada pela abrupta troca de poder e com ela princípios norteadores da política cultural. Entre as análises aparecem o debate sobre o financiamento da cultura no Brasil; o Programa Cultura Viva, e os Pontos de Cultura, relacionados à política cultural dos anos de 2003 a 2015; a política pública de museologia social, baseada nos Pontos de Memória e a atuação do Instituto Brasileiro de Museus, IBRAM; e a política nacional relacionada à preservação do patrimônio imaterial, e seus estágios nas políticas do IPHAN. Outros textos do livro abordam os dilemas da política cultural no estado do Pará e em sua capital, Belém. 

Dessa forma, são apresentados os meandros do Sistema Nacional de Cultura no Pará, suas particularidades e entraves; as definições de cultura e de sua prática no grupo político que dita tais ideias há muitos anos no estado; os problemas do registro e da salvaguarda do patrimônio cultural imaterial paraense; as dificuldades da implantação da Lei Valmir Santos e o Sistema Municipal de Cultura em Belém. Além disso, algumas experiências são analisadas à luz de todo esse debate: os impactos do projeto Rua, cujos proponentes grafitaram muros e paredes de casas do centro histórico de Belém; o projeto de reforma do Ver-o-Peso, feira e mercado central de Belém que passa por um momento delicado, com ameaças a seu funcionamento, em razão de proposta de incentivo à gastronomia; e a auto-organização das casas de cultura que apresentam espetáculos teatrais atuando no vão da falta de políticas culturais para a cidade de Belém.

A obra traz ainda uma reflexão sobre as políticas públicas de lazer no Brasil e na Amazônia, pontuando as dificuldades de estabelecer direitos ao lazer.  Com base nesse panorama traçado, mais pesquisadores f oram convidados a trazer outras experiências ao livro, e dessa forma foi apresentada a relação entre política cultural e a universidade, com o edital Mais Cultura nas Universidades, e a possibilidade de dinamização do projeto do Galpão Cultural na Universidade Federal Fluminense de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro; o papel

do Núcleo Museológico do Sal da Figueira da Foz, em Portugal; e as políticas culturais teatrais na França.

Espera-se que o livro alerte sobre a importância de políticas públicas, de políticas culturais que consolidam uma nação em toda a sua diversidade, sem tentar ignorar seus conflitos e contradições. 

Autores:

SILVIO LIMA FIGUEIREDO, CARLOS PAIVA, JOSÉ MARIA REIS E SOUZA JÚNIOR, ANA CLÁUDIA SILVA, AUDA PIANI TAVARES, ELIANA BOGÉA, FÁBIO CASTRO, MARINA CASTRO, AMARILDO FERREIRA JÚNIOR, VALCIR BISPO SANTOS, BENISON OLIVEIRA, BRENDA TAKETA, GUILHERME GUERREIRO NETO, LUCIANA MOREIRA PORTO, WLADILENE DE SOUSA LIMA, MIRLEIDE CHAAR BAHIA, JULIANA AZEVEDO HAMOY, KASSIA SUELEN DA SILVA FARIAS, THILIANE REGINA MEGUIS, ELIS DE ARAUJO MIRANDA, SÓNIA FERREIRA PINTO, MARIA MANUEL BAPTISTA, PAULO CARRELHAS, MURIEL ROLAND E MONIQUE DE BOUTTEVILLE. 

Prefácio:Maria Dorotéa de Lima

Endereço: Av. Perimetral, Numero 1 - Guamá, Belém - PA, Brasil Código Postal: 66075-750 +55(91) 3201-7231