Escolha o Idioma:        

Stand da Unamaz/Naea

Pesquisadores lançam livro na XXI Feira Pan-Amazônica do Livro.

No próximo dia 29 de maio, às 18h, no stand Unamaz/Naea na XXI Feira Pan-Amazônica do Livro, localizada no Cento de Convenções Hangar, ocorrerá o lançamento do livro Mercados Populares em Belém: produção de sociabilidades e identidades em espaço urbano, organizado por Carmem Izabel Rodrigues, Luiz de Jesus Dias Silva e Voyner Ravena-CañeteO projeto Mercados Populares em Belém: sociabilidades, práticas e identidades ribeirinhas em espaço urbano buscou mapear redes de sociabilidade, saberes e práticas econômicas, sociais e culturais desenvolvidas por trabalhadores e/ou frequentadores dos mercados e feiras populares localizados na área metropolitana de Belém, com enfoque nos sujeitos e grupos produtores dessas práticas, especialmente aqueles que, tendo origem ribeirinha (remota ou atual), apresentam/ representam essa relação com o mundo rural e/ou ribeirinho através de vivências e experiências, redes sociais, arranjos familiares, produção e utilização de formas espaciais e residenciais que misturam, justapõem ou sobrepõem concepções, percepções e valores urbanos/rurais-ribeirinhos.

Livro - Segundo os pesquisdores, foram Incluídos nesse termo um amplo conjunto de práticas comerciais, formais ou informais, organizadas e instaladas em determinados espaços centrais ou periféricos da cidade, abertos ou fechados, amplos ou reduzidos, fixos ou circulantes, nos portos e trapiches, esquinas ou beirais de casas, nas ruas ou calçadas, operacionalizadas através de redes de relações comerciais, que muitas vezes são também relações pessoais que incluem parentes, vizinhos, amigos e conterrâneos. Estabelecidos em espaços de “centralidade locais”, como as ruas de fluxo intenso, de grande circulação de veículos e pedestres, no entorno das paradas de ônibus e terminais rodofluviais, nos portos e trapiches, em bairros, distritos ou outras escalas de organização socioespacial, os mercados populares de Belém representam a síntese de processos aparentemente opostos, como a economia das trocas mercantis, baseada na compra e venda, e o sistema de reciprocidade, baseado na circulação de dádivas. Os artigos publicados no livro abordam majoritariamente estudos realizados na cidade de Belém, em feiras, portos e mercados, enfocando questões de sociabilidade, identidade e consumo relacionados às práticas comerciais. Esse conjunto de textos fornece uma ampliação quanto às discussões atuais sobre mercados populares, nas quais se evidencia a produção de sociabilidades e identidades nos espaços urbanos onde estes estão localizados.

Endereço: Av. Perimetral, Número 1 - Guamá, Belém - PA, Brasil Código Postal: 66075-750 55(91) 3201-7231